Pular para o conteúdo

Histoire d’O – O Filme

“O” é uma mulher livre e independente, que é levada por seu amante René a um castelo situado em Roissy, perto de Paris, onde ela se torna uma escrava de René e outros homens.
Após esse periodo em Roissy é entregue ao Sr. Stefan que compartilha os direitos de tê-la como escrava com René, aos poucos René se afasta e ela vai sendo apenas do Sr. Stefan que agora submeterá ela aos cuidados de Marie em sua casa, “O” é marcada a ferro quente com as iniciais de seu novo mestre Sr. Stefan e é submetida, por sua própria vontade e consentimento, a uma variedade de práticas sexuais sadomasoquistas.
A “O”, uma fotógrafa de moda parisiense bem sucedida, se deixa levar sem resistência por seu amante René ao isolado castelo de Roissy.
Roissy é uma propriedade particular; no seu interior muitas mulheres são educadas para serem submissas à vontade dos homens. “O” deixa-se ensinar para ser uma perfeita submissa.
Como parte de seu treinamento, ela é amarrada, chicoteada, mascerada e aprende para ser a qualquer momento e para todos sexualmente disponível. “O” aprende ser uma escrava submissa, mas ela permanece sempre confiante e consciente do seu poder sobre os homens. Nada acontece sem antes ter sido solicitado a ela.
Depois de completar sua formação, ela, como mais uma prova do amor, concorda com o pedido de René para viver temporariamente com um amigo paternal dele, Sir Stephen, e se submete incondicionalmente aos desejos dele.
Sir Stephen revela-se ainda mais dominante que René, por isso O apaixona-se por ele. Como prova final de seu amor, ela passa por um treinamento ainda mais rigoroso, em um lugar habitado e gerenciado exclusivamente por mulheres, denominada Samois.
Lá, ela concorda em obter uma marca de ferrete e um piercing em forma de anéis na vagina, como o sinal definitivo de sua submissão.
Tudo é descrito na perspectiva da heroína, cuja vida interior é retratado de uma maneira sutil, sem ser avaliada moralmente ou psicologicamente. É famosa uma cena de violação e tortura em que ela repara que os chinelos de seu amante são gastos e ela teria na próxima oportunidade adquirir novos.
Na linguagem e estilo, a obra fica na tradição da literatura clássica francesa. Apesar da temática o livro é escrito sem palavras obscenas.
Ficha Técnica
• Ano produção: 1975
• Dirigido por: Just Jaeckin
• Estreia: 1975 ( Mundial )
• Duração: 105 minutos
• Gênero:Drama
• Países de Origem:Alemanha,Canadá,França
Elenco
• Corinne Cléry Corinne Cléry … O
• Udo Kier Udo Kier … Rene
• Anthony Steel Anthony Steel … Sir Stephen
• Jean Gaven Jean Gaven … Pierre
• Christiane Minazzoli Christiane Minazzoli … Anne-Marie
• Martine Kelly Martine Kelly … Therese
• Jean-Pierre Andréani Jean-Pierre Andréani … Eric, master II
• Gabriel Cattand Gabriel Cattand … The commander
• Li Sellgren Li Sellgren … Jacqueline (a model)
• Albane Navizet Albane Navizet … Andree
• Nadine Perles Nadine Perles … Jeanne
• Laure Moutoussamy Laure Moutoussamy … Norah, the maid
• Henri Piégay Henri Piégay … Master I
• Alain Noury Alain Noury … Ivan
• Florence Cayrol Florence Cayrol … Yvonne (as Jehanne Blaise)
• Eva Carson Eva Carson … Monique
• Sylvie Olivier Sylvie Olivier … Claire
• Bernard Jeantet Bernard Jeantet … Florent
• Jean-François Mathieu Jean-François Mathieu … Regis
• Stéphane Macha Stéphane Macha … Georges
• Vladimir Brajovic Vladimir Brajovic … Master III
• Judith Novak Judith Novak … Madeline
• Gabriel Briand Gabriel Briand … Master lV
• Vibeke Knudsen Vibeke Knudsen … Model in photo-studio
• Michèle Montel Michèle Montel … Narrator (voice)
Assistir on line:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: