Ramon

Conheci Ramon na minha adolescência, através de meu irmão. Ramon era alto, moreno claro, tinha os olhos apertadinhos e um sorriso lindo. Ramon se tornou figura presente em minha casa e sempre foi um amigo querido por todos.

Ramon se mudou para outro estado e perdemos contato. Anos mais tarde, reencontro Ramon através das redes sociais e percebo quão bonito ele se tornou com o passar do tempo.
Por várias vezes tentei reatar a amizade, com a intenção de que ele perceba o desejo que sinto por ele, mas ele sempre me tratou com respeito e certo distanciamento.

Até que um dia, após um sonho em que Ramon surgia de sunga branca, levemente transparente, e eu rebolava minha bunda em seu membro. A partir daí tudo mudou entre nós, pois decidi contar para Ramon sobre o sonho, mesmo sabendo que poderia ser o fim definitivo de nossa amizade.
Mas fui surpreendida quando ele se mostrou interessado a ouvir tudo o que aconteceu entre nós, no meu sonho depravado.
A partir deste momento, nossas conversas se intensificaram e nos falamos todos os dias, aumentando ainda mais o nosso desejo e a vontade de estarmos juntos em breve.

Enfim chegou o dia em que Ramon retornou à minha cidade para visitar a família e saciar seu desejo incontrolável de estar dentro de mim. Quando a noite chega, ele finalmente vem me buscar, cheiroso, lindo como sempre. Não posso deixar de reparar em seu corpo, ainda mais definido que da última vez que nos vimos. Depois de uma breve conversa amigável, nossos olhares já não deixam dúvidas para mais nada. Ele me leva até seu carro e abre a porta para mim. Quando ele entra, imediatamente toca o meu rosto, me beija com delicadeza mas posso perceber o quão excitado ele está. Nossos momentos juntos foram agradáveis mas não podíamos mais esperar, o tesão nos consumia.

Chegamos ao hotel em que Ramon fez reserva. Adentramos o elevador, ele me abraça, passando suas mãos grande ao longo das minhas costas e não me contive, beijei Ramon com intensidade e ele retribuiu pegando em minha bunda com força, me trazendo para mais perto de seu corpo, mostrando para mim o quão duro ele está. Aliso seu pau por cima da calça e ele retribui alisando meus seios.

Assim que entramos no quarto, Ramon me faz sentar em seu colo, de frente para ele, mantendo seus olhos nos meus.
Na playlist do meu celular toca Desire, de Meg Myers.



Ele começa a me beijar calorosamente, sua língua encontra a minha e nosso beijo só faz aumentar o meu desejo. Ele desce sua boca carnuda por meu pescoço, enquanto suas mãos tocam meus seios.
Seu toque me faz arquear involuntariamente. O arrepio na minha pele me condena, estou muito excitada. Rapidamente, Ramon tira o meu vestido e me deita na cama. Começa a beijar todo o meu corpo, e enquanto sua boca alcança meu seio, a outra desce por minha barriga até chegar ao meu clitóris. Solto um gemido e Ramon dá um sorrisinho safado de quem vai me torturar a noite toda, da maneira mais deliciosa.


Agora toca Do ir for me


Ele se torna mais intenso quando desliza seus dedos para dentro da minha boceta molhada, que a esta altura está sedenta por ele. Ele me beija com paixão, suas mãos percorrem todo o meu corpo e eu toco seu pau, batendo uma punheta para ele.


Ele quer me ver saciada, então tira sua boca da minha, puxa minha pernas para a beira da cama e abocanha meu clitóris. Eu agarro seus cabelos, trazendo-o mais para perto de mim. Ele entende a minha necessidade e me chupa por inteiro.
Seu pau é ainda mais gostoso do que eu poderia imaginar. Eu o desejo cada vez mais, controlo
minha respiração, relaxo os meus músculos da garganta enquanto toca Dangerous Woman


Levo-o profundamente até senti-lo por inteiro. Volto engasgando com a sensação dele me preenchendo, ele urra e segura os meus cabelos, dizendo o quanto eu o deixo louco.
Preciso sentir Ramon dentro de mim e então peço que ele me foda. Prontamente ele me atende e começa a pincelar seu pau na entrada da minha boceta e sem que esperasse, ele me invade. Gememos juntos, enquanto aperto seu pau grosso com minha boceta. Ele começa a me foder lentamente até eu me acostumar com ele dentro de mim. Pouco depois, ele me fode freneticamente, me fazendo delirar de prazer.

Eu quero mais, preciso aliviar todo o desejo que consumia meu corpo, me fazendo arder de prazer. Ramon percebendo minha necessidade, me coloca de quatro e começa a chupar minha boceta, ao mesmo tempo em que coloca um dedo dentro do meu cuzinho. Assusto com seu toque inesperado mas o prazer que sinto é inigualável, então permito que ele continue.


Novamente Ramon está posicionado na minha entrada e agora sem nenhuma piedade, me fode de maneira violenta. A cada estocada, sinto uma onda de calor percorrer meu corpo. Sua mão toca meu clitóris enquanto ele me faz sua, me levando rapidamente a um orgasmo intenso. Ramon não está longe de explodir e então eu me posiciono à sua frente, e com um toque suave, alcanço seu pau com minha boca. Ele geme e eu o devoro. Passo minha língua por toda a extensão do seu pau delicioso até chegar em sua glande, que de uma só vez, engulo todo. Mais uma vez me vejo engasgada e preenchida por ele. Repito os movimentos, cheia de desejo.

Desço uma de minhas mãos e acaricio o meu clitóris duro de tesão. Mantenho contato visual com ele e em um momento percebo que os músculos de suas coxas tremem e ele busca o consentimento e eu continuo mostrando a ele que quero senti-lo até o final.


Ramon ainda está rígido e diz que precisa se aliviar dentro de mim. Rapidamente me posiciono de maneira que minha bunda fica totalmente exposta para ele. Ele alisa minha bunda, me deixando ainda excitada, e em uma estocada apenas, explora minha buceta com rápidos movimentos de vai e vem.


Imploro para que ele continue, para que me faça gozar em sua ereção. E assim ele faz, intensifica ainda mais o ritmo de suas estocadas ao mesmo tempo em que puxa meus cabelos. O meu gozo não tarda e ao ver meu corpo se contorcendo, ele explode junto.

Agora estamos extasiados, nossos corpos colados e um beijo apaixonado finaliza, momentaneamente, nossa transa.
Continuamos a nos dar prazer durante toda a noite, misturando tesão com carinho, desejo e
posse.
Ramon me fez sua e agora, todos os dias, meu corpo clama por ele.

Alice

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s