Amor Intenso Amor – Capítulo 39

Eu estava fumando um cigarro atrás do outro na poltrona do meu quarto de hotel, enquanto ouvia o plano de James. Eu ainda estava sentindo o cheiro de Leona em mim e isto me deixava ainda mais carregado de adrenalina. Eu só queria socar, arrebentar com todos aqueles bastardos com as minhas próprias mãos.

_ Lucca, se concentre! Estas são as horas finais. Você vai encontrar eles e sabemos que eles estarão esperando junto com você o navio contendo as pessoas traficadas. Eles estarão desembarcando na Ilha de Lesbos. Estamos com um número considerável de homens no local e eles não serão em tantos. Temos outras equipes posicionadas e infiltradas em diversas cidades do mundo onde eles possuem ramificações, graças às informações que encontramos no chip retirado do corpo da Leona podemos destruir todo o império que eles construíram em cima disto. A “operação Troia” tem tudo para dar certo. Você estará livre…

_ Livre? Eu ainda vou passar alguns malditos meses na cadeia e a Leona está grávida…

_ Eu sinto muito que você esteja perdendo isto. Sei muito bem a sua sensação, minha mulher entrou em trabalho de parto e eu estou aqui para terminar a missão. Poderei voltar para eles quando acabar por aqui, sempre se sair vivo. Ele diz com um sorriso fraco.

_ Vamos pegar estes desgraçados. As informações que temos através do chip que estava em Leona são tudo o que conseguimos e ficará impossível eles conseguirem escapar da prisão. Não se preocupe, ao menos você vai conseguir voltar logo para sua família. Você vai estar em um avião para ir conhecer seu filho em poucas horas…

_ Lucca, você mostrou um grande serviço. Além de tudo o que você já denunciou antes, hoje você está salvando milhares de vidas ligadas a este comercio cruel. Sairá com o respeito das duas partes vai poder viver sua vida fora dos dois mundos com sua mulher e sua filha. Chiara você disse?

 Chiara você disse?

_ Sim…_Neste momento tiro a foto da ultrassom que Leona me entregou, olho a silhueta do bebê, da minha filha em formação e continuo para James. _ Você tinha razão quando no avião você me disse o quanto um filho te dá forças. Eu me sinto revigorado, eu sinto que tenho que derrubar o mundo e sinto que tenho energia e coragem para tal. Não quero minha filha correndo riscos e manterei ela e a mãe a salvo. Vocês fizeram o que eu pedi?

_ Fique tranquilo Lucca, Leona está neste momento em um avião de volta para a Itália. Ela será acomodada na casa que você ordenou, existe uma equipe de segurança esperando por ela, e uma equipe que irá suprir todas as necessidades dela…

_ Quero aquele bastardo do Alef longe dela. Não quero ele envolvido na segurança dela. Ele não deve se aproximar dela, não possui autorização para encontrar com ela.

_Lucca, faremos o possível para deixá-lo longe. Mas isto dependerá de Leona, não podemos simplesmente proibir que ela o encontre. Ela está em perigo, mas quando acabar a missão e você for preso, ela mesma vai saber que o risco diminui quase a zero e ela poderá sair.

Eu me levanto, coloco a foto do ultrassom de Chiara em minha mala. E penso na dolorosa possibilidade de nunca conhecer minha filha, de nunca mais voltar para reconquistar Leona, e ter que revirar no meu túmulo quando Leona se entregar para aquele idiota do Alef ou qualquer outro homem.

_ Eu espero que vocês tenham organizado com meu advogado tudo como eu pedi sobre meu testamento.

_ Sim. Assim que o bebê nascer, independentemente de onde você estiver, sua filha será reconhecida e terá direito a todos os bens que você deixará para ela, assim como Leona. Elas não precisarão de mais nada. A parte das suas sobrinhas já foi repassada para as mesmas. Seu patrimônio amonta bilhões e elas estarão seguras pela Interpol pelo resto da vida, se você não mais estiver aqui.

Um alívio me inunda o peito. Agora sim eu estava pronto para enfrentar o que estava vindo.

_ Eu ainda quero matar todos eles.

_ Lucca, alguns deles com certeza morrerão, já que normalmente não se entregarão tão facilmente. Você siga o plano, fique um pouco mais afastado. O risco de você ser acertado por uma bala é grande. Será um inferno aquilo ali, eu vou tentar te cobrir, estarei ali como um dos seus homens, mas na hora de toda ação, não podemos garantir nada. Você não pode atirar neles, pois se eles sobreviverem saberão que você os traiu.

Eu sabia que não poderia fazer nada, e teria que errar cada tiro contra a polícia. E eles deveriam tentar pegar todos os meus inimigos, que estarão na Ilha de Lesbos.

_Eu farei o possível…_ respondo enquanto coloco a minha arma no coldre.

Eu estava sendo acompanhado por James e Pietro juntamente com outros dos meus soldados mais expertos

Eu estava sendo acompanhado por James e Pietro juntamente com outros dos meus soldados mais expertos. Estávamos no atracadouro principal da Ilha. Igor, da máfia Russa, se aproxima com o espanhol Romeo. Florin já estava um pouco mais à frente falando no telefone. Eu estava cheio de tensão e adrenalina. E sabia que teria que manter a calma.

_ Ainda não sei o que você viu naquela puta, Lucca. Mas eu estou curioso para descobrir, vou reivindicá-la para mim, afinal ela foi do Dimitry pode ser meu brinquedo também.

Eu me vi disparando em sua cabeça, eu me vi incendiando o inferno e abrindo os portões para receber cada um deles. Mas na minha cabeça veio Chiara e Leona sem mim. Eu teria que usar minha inteligência e não minha força. Eu tinha que ser o agente ponderado da Interpol, o estrategista e não o Lucca passional, Boss da máfia.

_ Eu é que estou ficando curioso, porque vocês possuem tanta fixação nesta mulher. Ela foi gostosinha na cama para mim e nada mais que isto. Mas algo me faz pensar que ela é muito importante para vocês e ela tem que ser mantida longe dos possíveis inimigos? Me responda Igor, qual o segredo desta mulher?

Ele perde o sorriso no rosto, Romeo atrás dele aperta os punhos e avança para cima, mas James e Pietro atravessam seu caminho, ele volta para sua posição me xingando.

_ Hijo de puta!

*Filho da puta! *

Eu dou apenas um sorriso sarcástico e me volto para Florin.

_ Lucca, bem-vindo ao nosso negócio. Finalmente você participará da nossa grande família. Bom, a primeira remessa vai ser transportada em outro navio para a Bulgária e depois seguimos por terra vendendo a carga por toda a Europa, mas oitenta por cento já está vendida para prostituição, então o retorno do dinheiro será imediato. É muito mais lucrativo que a cocaína mais pura.

_ Não vejo a hora de ficar ainda mais rico! Mas não entendo a necessidade de todos estarmos aqui.

_ Teremos uma grande noitada hoje Lucca, regada a muita bebida, muitas mulheres. Vamos para Ayvalık na Turquia. De jato chegaremos lá rapidamente, os turcos nos esperam para uma grande festa. E se faz necessário que todos os grandes chefes estejam lá.

_ Já pagamos a parte deles e mesmo assim eles querem dar uma festa? Generosos!

_ Eles querem mais participação, e podemos discutir, eles ajudarão com o transporte e tudo ficará ainda mais fácil e lucrativo do que já é. O navio já está se aproximando veja…

_Claro! E você confia no Igor e no Romeo?

_ Confio, como todos nós confiamos uns nos outros. Desconfiando! Mas digamos, que a afinidade com eles está desaparecendo. São inconstantes, eles se acham donos de tudo. Eles começaram estes negócios, o Dimitry e o pai em realidade foram os percursores, mas quando foi morto por você, isto fez os russos perderem um pouco do respeito e glamour, então nós Romenos assumimos tudo, por nossa honra os deixamos participar, mas não estão mais no comando faz alguns anos. Eles precisariam…

Eu vi lentamente seu corpo cair na minha frente, mal consegui colocar a mão no coldre e senti a arma em minhas costas.

_ Então Lucca, hora de acertar a conta conosco. Matou Dimitry, agora …

A voz de Igor é abafada e ele cai imediatamente, foi atingido por James, em instantes tudo vira uma guerra, eu atiro o máximo que posso contra os homens dos Russos, agora eu tinha motivos para atacar, meus homens reagem, o navio chega e os policia...

A voz de Igor é abafada e ele cai imediatamente, foi atingido por James, em instantes tudo vira uma guerra, eu atiro o máximo que posso contra os homens dos Russos, agora eu tinha motivos para atacar, meus homens reagem, o navio chega e os policiais desembarcam dando voz de prisão e atirando nos que não se rendem. James leva um tiro e cai, eu corro até ele, tentando acertar o máximo de tiros possíveis, eu arrasto seu corpo para atrás de alguns containers. Ele sorri, mas em seguida, aperta a ferida em suas costelas enquanto geme.

Pietro está atrás de mim atirando, os homens do Russo pelo jeito vão lutar até o final contra a polícia, os meus homens provavelmente já pararam de atirar

Pietro está atrás de mim atirando, os homens do Russo pelo jeito vão lutar até o final contra a polícia, os meus homens provavelmente já pararam de atirar.

Eu escuto a voz de Charlie atrás de nós, ordenando nossa rendição, dando voz de prisão. Pietro finge resistência tanto quanto eu, dobramos os joelhos e quando Charlie e outro a gente se aproximam para nos algemar, sinto uma forte pressão em meu corpo e o sangue começa a sair abundantemente em meu peito. Sinto o ardor contínuo, o cheiro de sangue que me sobe no nariz, escuto a voz de Charlie até o breu me consumir.

 Sinto o ardor contínuo, o cheiro de sangue que me sobe no nariz, escuto a voz de Charlie até o breu me consumir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s